Chute Inicial

A Chute Inicial Corinthians é a rede oficial de escolas de futebol do Sport Club Corinthians Paulista, atendendo alunos de 4 a 17 anos de idade. É considerada uma das maiores e mais bem estruturadas redes de futebol licenciadas do Brasil e tem a Adimax, por meio da marca Magnus, como sua patrocinadora oficial desde 2017. Um dos objetivos fundamentais da rede, além de ensinar as técnicas e táticas do futebol, é transmitir conceitos pedagógicos e valores relacionados à cidadania, ao mesmo tempo em que propicia o ingresso dos melhores talentos nas categorias de base do Corinthians. Site: http://chuteinicial.corinthians.com.br/

Notícias Chute Inicial

Acompanhe as notícias das equipes do Futsal

Política de Qualidade e Segurança de Alimentos
Política de Qualidade e Segurança de Alimentos

A Adimax fabrica alimentos para cães e gatos e se compromete com a saúde e bem estar animal; atendendo aos requisitos dos clientes, das legislações e normas vigentes; garantindo a comunicação interna e externa da informação relacionada à segurança de alimentos; fornecendo recursos para assegurar as competências relativas à segurança de alimentos aos seus colaboradores e buscando a melhoria contínua do seu Sistema de Gestão de Segurança de Alimentos.

Gato Castrado — Saiba Quais as Mudanças Comportamentais dos Felinos
Gato Castrado — Saiba Quais as Mudanças Comportamentais dos Felinos

Quem tem um bichinho sabe que a castração é um tema que nunca sai de pauta. É muito comum que os tutores se sintam receosos com a cirurgia e em dúvida quanto às alterações comportamentais que vêm no pacote.

Essa angústia é muito normal, e por isso mesmo é importante atenuá-la com o máximo de informações possíveis a respeito do assunto — o que não dá é para ficar sem castrar o animal!

Neste post vamos bater um papo sobre a importância da castração para os felinos e sobre as mudanças de comportamento esperadas em um gato castrado. Boa leitura!

Por que a castração é importante?

A castração é importante tanto por questões de saúde pública quanto para a saúde individual dos gatinhos.

Quando falamos de saúde individual, os gatos machos que são castrados têm menos chance de desenvolver doenças testiculares e até mesmo tumores na região. No caso das fêmeas, a castração diminui a ocorrência de doenças reprodutivas e de câncer de mama.

Já no quesito saúde pública, a castração é fundamental para o controle populacional: evitar ninhadas indesejadas significa, também, evitar mais gatos abandonados pelas ruas. 

Se a castração traz benefícios tão importantes, por que algumas pessoas ainda resistem em operar seus bichinhos? Como dissemos no início do texto, o receio é comum, afinal, trata-se de uma cirurgia.

Apesar de invasiva, no entanto, o procedimento da castração é bastante simples e, quando realizado por um veterinário de confiança, muito seguro. No caso dos machos, remove-se os testículos e as estruturas adjacentes. Nas fêmeas, o útero e os ovários. Os cortes são bem pequenos e a recuperação do animal costuma ser bem rápida (a depender, é claro, de seu estado de saúde como um todo).

Outro receio comum que faz com que alguns tutores rejeitem a ideia da castração é o medo das alterações comportamentais dos bichanos após a cirurgia — mas acredite, a maioria delas é positiva ou passível de ser contornada.

Alterações comportamentais em um gato castrado: o que esperar?

Conheça as mudanças de comportamento mais comum em gatos castrados:

Redução da agressividade de gatos machos

Gatos machos que não são castrados têm o instinto de fazer demarcação de território. Isso, em muitos casos, se traduz em comportamentos mais agressivos em relação aos outros gatos da casa e, até mesmo para com o tutor. 

Após a castração, no entanto, eles tendem a ficar mais tranquilos. O odor da urina também diminui, já que biologicamente o organismo sente que aquele animal não precisa mais disso para marcar território.

Fim do comportamento de cio nas fêmeas

Quem tem ou já conviveu com uma gata fêmea, por sua vez, sabe o quanto o período do cio pode ser incômodo. Nele, a gatinha fica muito mais carente, vocaliza com frequência (especialmente de madrugada) e corre muito mais risco de fugir de casa à procura de um macho para copular. 

Após a castração, ela não entra mais no cio e, portanto, não apresenta mais esse tipo de comportamento.

Animais mais tranquilos

De maneira geral, os gatos de ambos os sexos ficam muito mais tranquilos após a castração, apresentando menos agitação, menos agressividade e menos interesse pela rua. 

É muito comum ouvir pessoas comentando que os gatos engordam após a castração, e isso se dá porque, como ficam menos agitados, os bichinhos tendem a ficar mais quietos, gastar menos energia e, com isso, acumular mais calorias. 

Essa questão, no entanto, não deve ser motivo para que você não castre o seu animal. Um gato castrado é muito mais saudável e tem o dobro da expectativa de vida que o não castrado. Acredite: a castração não implica, diretamente, em um gato obeso.

Para evitar esse problema, o ideal é continuar estimulando o bichinho às brincadeiras e movimentações diárias (o enriquecimento ambiental com brinquedos, prateleiras e esconderijos ajuda muito!) e trocar a ração por uma opção específica para gatos castrados.

Esses alimentos possuem menor teor de gordura, menos calorias, mais fibras e maior teor de proteína quando comparados aos alimentos para gatos adultos não castrados. Essas características proporcionam os seguintes benefícios:

  • manutenção do peso, por possuírem menos gordura e calorias;
  • manutenção da massa muscular devido ao maior teor de proteína;
  • contribuem para a saciedade, pela maior quantidade de fibras.

Além disso, é importante manter o acompanhamento com o médico-veterinário para identificar eventuais alterações que precisem de mais atenção.

Esperamos que este artigo tenha tirado todas as suas dúvidas sobre a castração de gatos! Como você se importa com a saúde do seu gatinho, recomendamos também a leitura do nosso texto sobre comidas que são proibidas para os felinos.

Programa 100% de Satisfação Garantida

A família de produtos Fórmula Natural foi desenvolvida por médicos-veterinários utilizando os conceitos mais avançados da nutrição de cães e gatos e busca promover a saúde e o bem-estar desses pets por meio de alimentos inovadores, naturalmente saborosos e nutritivos e de alto padrão de qualidade. Por isso, todos os produtos Fórmula Natural possuem o selo do Programa 100% de Satisfação Garantida.

 

Conheça o regulamento do Programa abaixo

REGULAMENTO DO PROGRAMA 100% DE SATISFAÇÃO GARANTIDA

VÁLIDO PARA PRODUTOS DA FAMÍLIA FÓRMULA NATURAL.

A Adimax Indústria e Comércio de Alimentos LTDA., pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ sob o nº 03.887.324/0001-81, com sede no Estado de São Paulo, município de Sorocaba, na Av. Agenor Leme dos Santos, nº 495, Bairro Distrito Industrial, CEP 18160-000, cuja atividade econômica é a “Fabricação de Alimentos Para Animais”, possui forte compromisso com seus consumidores e está sempre atenta e próxima às necessidades de seus clientes, o que se traduz em promover a saúde e o bem-estar de cães e gatos através de alimentos inovadores e de alto padrão de qualidade. 

Partindo desta premissa, busca continuamente a satisfação do cliente com seus produtos e serviços, e por isso oferece o Programa 100% de Satisfação Garantida.

O Programa permite que, se por qualquer motivo, você ou seu pet não estiverem satisfeitos com nossos alimentos das linhas participantes, você possa solicitar a troca por outro produto, seguindo as condições estabelecidas no regulamento do Programa.

  • Produtos participantes do Programa 100% de Satisfação Garantida:

Estão cobertos por este Programa todos os produtos da família Fórmula Natural adquiridos a partir da data de início da vigência deste Regulamento.

O Programa é válido apenas para produtos comercializados e adquiridos em território nacional.

  • Quem poderá requerer a troca pelo Programa 100% de Satisfação Garantida?

O Programa 100% de Satisfação Garantida é destinado exclusivamente para consumidores finais (pessoas físicas), sendo totalmente vedado a Representantes Comerciais, Pet Shops, Clínicas Veterinárias, Lojas Agropecuárias e qualquer outro tipo de estabelecimento comercial, de produção ou de pesquisa.

  • Condições para que a troca seja realizada:

O cliente poderá solicitar a troca em até 30 dias a contar da emissão da nota fiscal com a data da compra.

O Programa permite até 02 trocas ao ano, sem intervalo especificado.

O cliente só pode requerer a troca de 01 embalagem por vez, sendo que, não poderá a embalagem estar fechada. Contudo, a embalagem a ser trocada deverá conter, no mínimo, 50% do produto (por exemplo, uma embalagem de 12 kg, deve conter 6 kg ou mais do alimento).

O SAC Adimax orientará por escrito quanto ao destino a ser dado para o produto a ser devolvido. 

Não realizamos trocas:

– De produtos fora do prazo de validade;

– De produtos comprados à granel;

– De embalagens fechadas;

– Por motivo de compra incorreta.

É importante lembrar que para uma correta adaptação do seu pet a um novo alimento é fundamental a realização da troca gradual ao longo de pelo menos 7 dias, conforme orientações contidas no verso da embalagem do produto.

  • Meios para solicitação de troca:

Toda e qualquer solicitação de troca pelo Programa 100% de Satisfação Garantida, deverá ser realizada pelos meios de comunicação oficiais do SAC Adimax:

  • Telefone: 0800-7733577 – aceita ligação de celular.
  • E-mail: sac@adimax.com.br
  • WhatsApp: 15 99832-5964
  • Formulário na Central de Ajuda no site Adimax www.adimax.com.br.
  • Chat no site Adimax

É imprescindível e obrigatório que o contato seja feito diretamente pelo próprio cliente final.

No ato de solicitação pelo cliente final, em um dos meios indicados acima, o mesmo deverá apresentar à Adimax a nota ou cupom fiscal, a qual deverá estar legível, bem como, deverá fornecer as seguintes informações:

DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DADOS DO PRODUTO DADOS DO PET DESCRIÇÃO DA RECLAMAÇÃO
Nome Completo;CPF;Endereço Completo;E-Mail; eTelefone de Contato.   Nome do Produto;Lote e data de fabricação;Local de compra; eFoto da embalagem do alimento, incluindo o campo data de fabricação e lote contidos no verso. Espécie;Nome;Idade. Informar detalhes do motivo da solicitação de troca  

Após recebimento dos dados, o SAC entrará em contato com o solicitante em até 04 (quatro) dias úteis para dirimir eventuais dúvidas e prestar esclarecimentos.

Caso a solicitação seja realizada em finais de semana, feriados ou fora do nosso horário de atendimento, a tratativa do atendimento iniciará em dia útil subsequente no horário de expediente do SAC, de segunda a sexta-feira.

  • Troca do Produto:

As informações e documentos então serão analisadas e, se a solicitação atender ao regulamento aqui descrito, um TICKET DE AUTORIZAÇÃO será enviado ao e-mail cadastrado pelo consumidor e para o e-mail do local de compra, contendo todas as orientações para a realização da troca e destino do produto a ser trocado.

O consumidor poderá escolher o tipo de troca, sendo as seguintes opções possíveis:

  1. Troca por outro alimento fabricado pela Adimax, inclusive da linha Fórmula Natural; ou  
  2. Troca por outro produto qualquer que seja vendido na loja onde foi efetuada a compra do alimento a ser trocado. A troca será efetuada por produto de preço equivalente e eventual diferença no valor será paga pelo cliente diretamente ao lojista.

Ao final do processo o SAC entrará em contato para confirmar realização da troca e enviará uma pesquisa de satisfação.

  • Vigência:

O presente Programa entra em vigor a partir do dia 10/05/2022, e vigorará por prazo indeterminado, podendo ser alterado e revogado a qualquer momento a critério exclusivo da Adimax.

  • Disposições Gerais:

Estará excluído do Programa o consumidor que, de qualquer forma, infringir, fraudar ou tentar infringir as regras aqui descritas, podendo ocorrer penalização na forma da lei.

A participação neste Programa 100% de Satisfação Garantida caracteriza a aceitação pelo participante de todos os termos e condições descritos neste Regulamento.

A Adimax se reserva o direito de alterar o presente Regulamento a qualquer tempo, sendo considerada válida a última versão contida em seu site.

Para dúvidas, comentários, sugestões e reclamações a respeito deste Programa, a Adimax deixa à disposição os canais de contato de seu Serviço de Atendimento ao Consumidor, de segunda a sexta-feira, das 08 às 16:30hs, exceto feriados.

Telefone: 0800-7733577 – aceita ligação de celular.

E-mail: sac@adimax.com.br

WhatsApp: 15 99832-5964

Formulário na Central de Ajuda no site Adimax www.adimax.com.br

Chat no site Adimax

Com a finalidade de garantir a autenticidade, conservação, publicidade, segurança jurídica e validade perante terceiros, o presente Regulamento será devidamente registrado no competente Oficial de Registro de Títulos e Documentos, garantindo, assim, a credibilidade da data e conteúdo aqui previsto.

  • Proteção aos Dados Pessoais:

O cliente final, no momento em que fornecer seus dados para participação no Programa de Satisfação Garantida, autorizará, para fins de atendimento à Lei nº 13.709/2018 (Lei Geral de Proteção de Dados), a coleta e o tratamento dos dados descritos no item 4, possibilitando que a Adimax identifique e entre em contato com o titular para fins da própria efetividade do Programa.

A Adimax fica autorizada a compartilhar os dados pessoais do Titular com outros agentes de tratamento de dados, caso seja necessário para as finalidades aqui previstas, observados os princípios e as garantias estabelecidas pela Lei nº 13.709/2018.

A Adimax responsabiliza-se pela manutenção de medidas de segurança, técnicas e administrativas aptas a proteger os dados pessoais de acessos não autorizados e de situações acidentais ou ilícitas de destruição, perda, alteração, comunicação ou qualquer forma de tratamento inadequado ou ilícito.

A Controladora poderá manter e tratar os dados pessoais do Titular durante todo o período em que os mesmos forem pertinentes ao alcance das finalidades do Programa. Dados pessoais anonimizados, sem possibilidade de associação ao indivíduo, poderão ser mantidos por período indefinido.

O Titular poderá solicitar, via e-mail ao DPO (privacidade@adimax.com.br), a qualquer momento, que sejam eliminados os dados pessoais não anonimizados do Titular. O Titular fica ciente de que poderá ser inviável à Adimax continuar o fornecimento de produtos ou serviços ao Titular a partir da eliminação dos dados pessoais.

Conheça Diferentes Tipos de Ração Para Gato
Conheça Diferentes Tipos de Ração Para Gato

Quem tem um bichinho quer cuidar dele da melhor maneira possível, não é mesmo? E para isso, estar atento à sua alimentação é um ponto fundamental, já que assim como no caso dos humanos, os animais também precisam dos nutrientes certos para se manterem saudáveis e ativos. 

Se você está preocupado com a nutrição do seu bichano, chegou ao lugar certo! Neste artigo vamos conversar sobre os diferentes tipos de ração para gato e o que deve ser levado em consideração na hora de escolher a que você vai comprar. Boa leitura!

Tipos de ração para gato

O mercado dos pets vem crescendo muito nos últimos anos, e isso faz com que cada vez mais opções de alimentação para os bichinhos estejam disponíveis para venda. A diversidade de tipos de ração é excelente, porque torna possível atender às mais diferentes necessidades e especificidades dos animais, mas ela pode confundir bastante os tutores, especialmente os de primeira viagem.

Antes de mais nada é importante entendermos que por serem de espécies diferentes, cães e gatos possuem necessidades nutricionais distintas. Os gatos são carnívoros estritos e necessitam de mais proteína e gordura de origem animal, além de um maior número de nutrientes.

Outra particularidade dos felinos é a tendência ao desenvolvimento de doenças do trato urinário, o que torna necessário um cuidado especial na formulação do seu alimento, que deve levar em conta o balanceamento dos minerais, visando colaborar para a prevenção da formação de cálculos urinários. 

Por todos esses fatores, o alimento escolhido deve ser completo, balanceado e formulado especialmente para felinos. 

Os alimentos para cães e gatos são classificados de acordo com a quantidade de água em alimento seco (de 6% a 12% de umidade) e alimento úmido (de 60% a 85% de umidade) e para tirar as suas dúvidas, vamos começar explicando as principais diferenças entre eles. 

Alimento seco

O alimento seco apresenta uma gama variada de benefícios como:

  • estão disponíveis em uma grande variedade de alimentos bem específicos para diferentes necessidades;
  • são práticos e de fácil armazenamento;
  • favorecem a saúde bucal
  • por serem alimentos mais concentrados, com menor teor de água, exigem um menor consumo quando comparado ao alimento úmido.

Alimento úmido

Já os alimentos úmidos, em relação ao seco, se destacam por:

  • Ainda mais atrativas e saborosas, estimulando o apetite do pet;
  • Apresentam uma maior quantidade de água, favorecendo a saúde do trato urinário.

Sua principal desvantagem em relação ao alimento seco é sua conservação. Após aberto, é preciso que o tutor mantenha o alimento úmido refrigerado, bem tampado e vedado, e seja consumido pelo pet dentro de 48 horas. As sobras também não podem ficar no comedouro por mais de 30 minutos. 

Existem opções de alimentos úmidos completos e balanceados que podem ser fornecidos como fonte exclusiva de alimentação para o pet. Nestes casos, o pet precisará consumir uma quantidade maior quando comparado ao alimento seco, e isso aumenta o custo com a alimentação. 

Uma alternativa é que o tutor ofereça uma alimentação mista, com alimentos úmidos e secos, mas é necessário que consulte previamente o médico-veterinário para que o profissional realize o balanceamento adequado das quantidades a serem fornecidas de cada um dos tipos de alimentos.

As rações também podem ser comercialmente divididas em Standard, Premium, Premium Especial e Super Premium. Dentre essas, destacamos a Super Premium que são produzidas com ingredientes de fácil digestão e alto aproveitamento, sendo mais concentrados nutricionalmente, o que se traduz em menor consumo, menor volume de fezes e alta palatabilidade, ou seja, são muito bem aceitos pelos gatos.

Esses alimentos geralmente possuem ingredientes com intuito de gerar benefícios adicionais à nutrição convencional, os chamados ingredientes funcionais: são componentes fisiologicamente ativos que visam cuidados preventivos e promoção da saúde.

Como escolher a ração ideal para o seu bichinho

É preciso conhecer muito bem as características do seu gato para escolher a ração mais adequada a ele. Para não errar, leve em consideração a idade, as condições de saúde, a raça e o porte. Filhotes, gatos adultos e gatos idosos têm necessidades nutricionais bastante diferentes e, exatamente por conta disso, existem rações adequadas para cada fase da vida do bichinho.

Além disso, questões relacionadas à saúde, como possíveis doenças crônicas e até alergias alimentares também devem ser observadas. O ideal é conversar sobre isso com o médico-veterinário que acompanha o seu bichinho, e sempre seguir a sua orientação. 

É essencial lembrar, ainda, que os bichanos podem ser bem exigentes e recusar determinadas rações, seja pelo tamanho e pela textura dos grãos ou por conta do sabor. Por causa disso, é importante levar suas opiniões em consideração: avalie se o gatinho está comendo direito e respondendo positivamente à ração que ele come! 

Caso seja indicado ou deseje trocar para um alimento novo, para melhor adaptação do sistema digestivo do animal, essa transição deverá ser realizada gradualmente conforme orientação contida no verso das embalagens de ração ou orientação do médico-veterinário.

Conheça a Fórmula Natural

A Fórmula Natural é uma marca que abrange várias linhas de alimentos Super Premium para cães e gatos. Desenvolvidas por especialistas em nutrição de cães e gatos a partir dos mais modernos conceitos da nutrição pet, proporcionam uma alimentação ótima, por meio de níveis adequados de proteínas e gorduras de alta qualidade, fibras especiais e ingredientes funcionais.

A linha Fórmula Natural Fresh Meat ainda possui o diferencial de ser formulada com carne fresca, não conter grãos ou ingredientes transgênicos em sua formulação e utilizar apenas antioxidantes naturais.

Todas as rações da marca atuam no equilíbrio da flora intestinal e do sistema urinário dos felinos. Além disso, elas têm taurina, substância encontrada apenas em proteínas de origem animal e que é essencial para o bom funcionamento do organismo dos gatos. 

Quando falamos da alimentação dos gatos, é de suma importância garantir a presença desse nutriente, já que os bichanos não a produzem em quantidades suficientes no próprio corpo (diferentemente da maioria dos demais mamíferos, incluindo os seres humanos). 

Além disso, as embalagens da marca têm sistema inteligente de fechamento, o que facilita a conservação e a durabilidade do alimento. Se você quer garantir a melhor nutrição felina, clique no link para conferir todos os tipos de ração para gato da Fórmula Natural e escolher o novo prato favorito do seu bichano!

CÃO MAGNUS FAZ SUA ESTREIA NO CINEMA BRASILEIRO
CÃO MAGNUS FAZ SUA ESTREIA NO CINEMA BRASILEIRO
Gato Obeso — Conheça os Riscos e Saiba Como Prevenir
Gato Obeso — Conheça os Riscos e Saiba Como Prevenir

Não são só os humanos que correm riscos para a saúde por causa do excesso de peso: os bichinhos também podem sofrer bastante com esse tipo de problema. Um gato obeso pode parecer muito fofinho, mas tem a saúde e a expectativa de vida bastante prejudicadas, e esse é o assunto deste artigo. Continue a leitura para saber sobre:

  • os riscos para a saúde de um gato obeso;
  • como identificar o sobrepeso felino;
  • como prevenir a obesidade em um gato.

Os riscos para a saúde de um gato obeso

Além de reduzir a qualidade e a expectativa de vida dos bichanos, a obesidade felina deixa o animalzinho mais predisposto a desenvolver diversas doenças:

Aumento do colesterol

Sim, os gatos também podem ter aumento da quantidade circulante de gordura no sangue, e a obesidade é um fator de risco para esse problema que é bastante silencioso e difícil de detectar, já que comumente apresenta sintomas apenas em casos mais graves.

O colesterol alto pode causar o aumento de gordura em alguns órgãos, principalmente o fígado, dificultando sua função e causando o aparecimento de sintomas como vômito, enjôo e amarelidão no branco dos olhos.

Diabetes

Assim como no caso dos seres humanos, a diabetes felina é um problema relacionado à insulina, hormônio que regula os níveis de açúcar no sangue. Um estudo mostrou que gatos obesos têm até 3,9 chances a mais de desenvolver diabetes, e isso acontece porque o excesso de peso prejudica diretamente a ação desse hormônio, pois torna o organismo mais resistente a ela.

Problemas de locomoção

Com o tempo, o excesso de peso sobre os ossos e as articulações causa dores e dificuldades de locomoção aos bichanos, afetando bastante sua rotina e qualidade de vida.

Como identificar o sobrepeso felino

Pode não ser tão simples identificar um gato obeso só de olhar para ele, já que muitas vezes os pelos acabam disfarçando a situação. Uma dica, no entanto, é fazer carinho no animal e observar se é possível sentir os ossinhos da costela. Se você não conseguir, esse é um forte indício de sobrepeso. 

A partir dessa descoberta, no entanto, o ideal é procurar um médico-veterinário para confirmar o diagnóstico e indicar a necessidade de mais exames para avaliar a saúde do bichinho. É importante ter em mente, também, que alguns gatos são mais propensos a ficar obesos:

  • gatos com 7 anos ou mais de idade já são considerados idosos, se tornam mais sedentários e, consequentemente, gastam menos energia;
  • gatos castrados, pois tendem a ficar menos ativos, gastar menos energia e costumam passar a ingerir maior quantidade de alimento;
  • gatos que foram obesos quando filhotes.

Como prevenir a obesidade em um gato

Seja para evitar o problema ou para ajudar no emagrecimento de um gato obeso, o ideal é tomar alguns cuidados na rotina do bichinho:

Estimule brincadeiras e movimentações

Estimule seu Gato com Brincadeiras

Assim como o corpo humano precisa estar em movimento para permanecer saudável, os bichinhos também não podem ficar parados. O sedentarismo influencia diretamente no ganho de peso e, por isso, é muito importante estimular o seu gato com brincadeiras que demandem a movimentação. 

As brincadeiras, além de ajudarem o bichano a gastar calorias, diminuem o tédio e a ansiedade, o que costuma fazer com que eles comam além da conta. 

Mantenha as consultas e os check-ups em dia

O aumento do peso no gatinho também pode estar associado a algumas doenças previamente existentes, como o hipotiroidismo. O ideal, portanto, é manter as consultas com o médico-veterinário sempre em dia, assim como os exames de rotina que ajudam a avaliar a saúde do gatinho como um todo e evitar a obesidade, entre outros problemas.

Ofereça uma alimentação balanceada

A alimentação do gato está diretamente relacionada à manutenção do peso dele. Portanto, é importante escolher rações com boa qualidade nutricional. Para evitar o sobrepeso, vale optar por produtos light indicados para gatos adultos com tendência ao ganho de peso ou  para gatos castrados. Já no caso de um gato obeso, é preciso consultar o médico-veterinário para indicação do melhor alimento para a perda de peso.

A Fórmula Natural é uma marca que abrange várias linhas de alimentos Super Premium para cães e gatos. Desenvolvidas por especialistas em nutrição de cães e gatos a partir dos mais modernos conceitos da nutrição pet, proporcionam uma ótima alimentação por meio de níveis adequados de proteínas e gorduras de alta qualidade, fibras especiais e ingredientes funcionais.

A ração light da linha Fresh Meat oferece menor quantidade de calorias e um reforço de fibras, o que a torna ideal para gatos adultos com tendência a engordar. Feita com frango, beterraba e chá verde, ela conta ainda com uma substância chamada L-Carnitina, que colabora para a queima de gordura.

Para saber mais sobre essa ração, todos os detalhes da composição nutricional e a tabela de consumo adequada, é só visitar a página da Fresh Meat Light no site da Adimax e conhecer uma ótima opção de alimentação para o seu bichano.

Gato Castrado — Saiba Quais as Mudanças Comportamentais dos Felinos
Pet Terapia — O Que É e Quais São os Benefícios

Se você já se sentiu mais feliz, tranquilo e bem disposto depois de passar alguns minutos fazendo carinho em um bichinho ou brincando com ele, saiba que existe sim uma ligação entre o bem-estar e o contato com os animais. 

Neste artigo você vai entender melhor o que é a Pet Terapia, descobrir quais são os seus benefícios e conhecer o projeto social da Adimax focado nessa prática. Boa leitura!

O que é Pet Terapia

Conhecida também como Terapia Assistida por Animais, a Pet Terapia é uma espécie de tratamento alternativo que contribui com o bem-estar e a saúde física e emocional de pacientes nas mais diversas situações. Como o próprio nome sugere, o agente desse tipo de abordagem é o animalzinho. 

Atualmente, já existem diversos estudos relacionados a esse assunto em todo o mundo. No Brasil, um dos estudos pioneiros sobre o tema aconteceu na década de 60, em um centro psiquiátrico no Rio de Janeiro no qual, depois de receber a visita inesperada de uma cadelinha abandonada, os pacientes passaram a apresentar melhoras consideráveis em seu comportamento.

Nos últimos anos, a Pet Terapia passou a ser uma abordagem bastante difundida e utilizada com pacientes psiquiátricos, pessoas  hospitalizadas, idosos e crianças.

De acordo com um artigo publicado no Jornal da USP, os animais funcionam como antídotos poderosos contra o estresse e a ansiedade, contribuindo assim, também, com a prevenção de intercorrências cardiovasculares. 

Como funciona a Pet Terapia

A Terapia Assistida por Animais pode ocorrer de diferentes maneiras e com o auxílio de diferentes bichinhos, mas o objetivo é sempre o mesmo: proporcionar o bem-estar por meio do estímulo gerado pelo contato com o animal.

Ainda não existem protocolos rígidos e regras de como esse tipo de trabalho deve ser conduzido, mas é importante que o animal seja bem cuidado e respeitado, e que sua personalidade seja bem avaliada para que o contato com o paciente seja positivo e seguro. Animais dóceis, é claro, são os que viabilizam a abordagem.

Uma das formas mais conhecidas de Pet Terapia é a que é realizada com cachorros, que podem ser facilmente transportados para diversos ambientes (como hospitais e instituições de acolhimento para idosos) e, então, motivam, estimulam e alegram os pacientes, ajudando a melhorar tanto a saúde emocional quanto a física.

Benefícios da Pet Terapia

Os animais podem trazer benefícios para pacientes com diferentes questões, sejam elas físicas, emocionais ou mesmo cognitivas. Confira:

Socialização

O contato com os bichinhos estimula a interação, e mesmo pacientes com dificuldade de se relacionar com outras pessoas costumam se envolver bem com os animais e demonstrar vontade de brincar com eles e acariciá-los.

Psicomotricidade

As brincadeiras com os bichinhos também estimulam a movimentação e a consciência corporal. Mexer o corpo é muito importante para a saúde e o bem-estar, e mesmo pacientes hospitalizados e com restrição de mobilidade podem se beneficiar dos estímulos que o animal oferece.

Saúde emocional

O contato com o animal traz muitos ganhos ao bem-estar emocional, especialmente para pacientes que sofrem com ansiedade, depressão, ou mesmo que estejam passando por um período de luto. Isso acontece porque os estímulos oferecidos pelo bichinho acalmam, divertem e favorecem estados de ânimo positivos.

Os bichinhos ainda funcionam como um canal de comunicação seguro com o qual os pacientes costumam se sentir à vontade para se expressar emocionalmente sem se sentirem julgados.

Saúde física

Alguns estudos já demonstraram que 15 minutos de contato com um animal são capazes de equilibrar a pressão arterial, reduzir a frequência cardíaca e até mesmo o colesterol. Além disso, o bem-estar emocional que eles proporcionam também ajuda na prevenção de outras doenças físicas, já que tudo no nosso organismo é interligado.

Concentração e memória

O contato com os animais também favorece o desenvolvimento de aspectos cognitivos, protegendo a saúde cerebral e estimulando a concentração e a memória, e ajudando a desacelerar o declínio cognitivo, comum às pessoas idosas.

Conheça a Pet Terapia da Adimax

A Adimax é uma empresa que tem a missão de promover o bem-estar animal, mas se preocupa, também, com o bem-estar humano e, visando a esses dois propósitos, trabalha com diversos projetos sociais. Um deles é a Pet Terapia!

Desde 2020 a marca realiza parcerias com diversos grupos que realizam Terapia Assistida por Animais em diferentes cidades do Brasil, com o objetivo de colaborar com esse trabalho e difundir os benefícios para o maior número possível de pacientes hospitalizados, idosos e crianças. 

Se você se interessou, entre na página de causas sociais da Adimax para saber mais sobre esse e todos os outros projetos que a marca apoia, que são os seguintes:

  • Nutrindo amor;
  • Magnus Visita;
  • Lojista Solidário;
  • Alimente o bem;
  • Fórmula do Bem;
  • Projeto Semear.
Filhote De Cachorro — 5 Cuidados Que Você Precisa Ter
Filhote De Cachorro — 5 Cuidados Que Você Precisa Ter

Ter um cãozinho como companheiro no dia a dia é o sonho de muitas pessoas. Mas, junto com a alegria e animação desse novo morador da casa, vem também algumas responsabilidades. Afinal, ter um filhote de cachorro exige cuidados especiais para garantir a qualidade de vida do pet, que vão desde o espaço onde o cachorro ficará na casa até os passeios e brincadeiras com os bichinhos.

Quer conhecer os principais pontos de atenção que não podem ficar de fora da lista de cuidados dos tutores e que vão permitir que os cães tenham uma vida muito mais feliz e saudável? Continue lendo este artigo!

5 cuidados necessários para cuidar de um filhote de cachorro

Todos os cães precisam de muito carinho, atenção e, principalmente, amor de sobra. Mas quando falamos de um filhote de cachorro, precisamos adotar alguns cuidados especiais. Afinal, eles estão em fase de adaptação a um novo ambiente e também estão crescendo e se desenvolvendo.

Então, confira cinco cuidados básicos essenciais que vão tornar a vida do seu companheiro canino muito melhor.

1. Prepare a casa para receber o filhote

Antes de mais nada, é essencial preparar a sua casa para receber um novo morador. Para isso, compre itens indispensáveis para uma rotina saudável para o pet, como:

  • bebedouro e comedouro;
  • casa ou cama de cachorro;
  • brinquedos.

Ainda falando sobre a ambientação, é importante definir onde cada coisa ficará localizada para que o pet tenha bem claro onde é o lugar de comer, dormir e, principalmente, fazer xixi e cocô. 

Portanto, selecione um lugar com fácil acesso e longe da área de alimentação do cachorro para ser o banheiro do seu novo companheiro canino, além de separar um canto quentinho e confortável para colocar a caminha do pet.

Além disso, tenha cuidado com itens da casa que estejam ao alcance do animal e que possam oferecer algum risco a ele, como produtos químicos, fios elétricos, acessórios de vidro etc.

Lembre-se que um filhote de cachorro é curioso. Ele irá explorar todo o ambiente para conhecer a nova casa e não saberá distinguir entre o que é ou não seguro. Por isso, a responsabilidade do tutor é garantir que o cãozinho não tenha acesso a nada prejudicial ao seu bem-estar.

2. Saia para passear com o cãozinho

Um filhote de cachorro tem altos níveis de energia que precisam ser gastas de uma maneira saudável, caso contrário, os bichinhos acabam buscando seu próprio jeito de liberar toda essa energia dentro de casa mesmo. Isso significa que eles podem acabar roendo móveis ou correndo pelos cômodos e quebrando objetos pelo caminho.

Para evitar isso, reserve horários durante a semana para levar seu pet para passear. Seja em um parque, praça ou apenas para dar uma volta no quarteirão, o importante é sair.

Mas também é preciso tomar muito cuidado nesse momento. Então, evite sair de casa em horários que o sol esteja muito forte, porque isso faz com que o chão quente queime as patinhas do seu novo amigo.

Além disso, lembre-se de levar uma sacolinha plástica para recolher o cocô do pet e um pouco de água para passeios mais longos.

3. Treine seu novo companheiro

Todos os cães podem ser adestrados e aprender a ter um bom comportamento, mas durante a fase inicial da vida o processo é bem mais fácil. Portanto, aproveite esse momento para treiná-lo.

Você pode investir em comandos básicos, como os truques de sentar ou dar a patinha e também ensinar seu pet a fazer xixi e cocô no lugar certo. Quanto mais cedo ele aprender, melhor.

Além disso, existem duas dicas que podem te ajudar nesse treinamento:

  • usar o reforço positivo durante o adestramento para que o animal entenda quais são as atitudes que você, tutor, aprova;
  • comprar um tapete higiênico para que o cãozinho use como banheiro.

E não se esqueça: cada cachorro tem uma personalidade diferente e precisa de seu próprio tempo para aprender. Portanto, tenha paciência e cuidado ao ensiná-lo.

4. Leve o filhote de cachorro ao veterinário

O acompanhamento de um veterinário é fundamental para garantir o bem-estar do seu pet. Ele irá recomendar boas práticas para a rotina do cãozinho, dar as vacinas necessárias e, principalmente, avaliar a saúde do animal para garantir que tudo esteja saudável.

Lembre-se também que este acompanhamento veterinário deve ser mantido mesmo após o crescimento do cãozinho. Essa é uma boa prática que não é exclusiva apenas para os filhotes, combinado?

5. Ofereça uma alimentação adequada

O filhote de cachorro está em fase de crescimento e precisa de diversos nutrientes. Além disso, ele tem bastante energia que precisa ser reposta por meio de uma alimentação adequada. Por isso, fique atento a dois pontos indispensáveis em relação à dieta dos bichinhos:

  1. ofereça água à vontade e sempre troque-a para garantir que ela esteja limpa e fresca;
  2. dê apenas a ração adequada de acordo com a idade e o porte do seu pet.

Confira algumas opções da Fórmula Natural que a Adimax oferece:

Os produtos são de alta qualidade e contam com os nutrientes essenciais, como as proteínas, para uma alimentação saudável para os bichinhos.

Gostou do artigo? Então confira também as vantagens da ração super premium e veja a importância que esse tipo de alimento tem na dieta do seu novo companheiro.

Adimax Firma Parceria Com Grupos Pet A Fim De Incentivar A Adoção De Animais Com Deficiência

O programa social Fórmula do Bem, que apadrinha cães e gatos idosos e/ou com alguma deficiência, tem orgulho de anunciar a parceria com três projetos sociais com foco em pets com deficiência: Cãodeirante, de São Paulo/SP, Projeto Lunna, de Goiás/GO, e Cão de Rodinhas, de Curitiba/PR.

Ao firmar parcerias com grupos especializados, a Adimax tem como objetivo contribuir ainda mais para a qualidade de vida desses animais, além de participar ativamente de ações e encontros promovidos por esses grupos, e fornecer aos pets adotados um alimento super premium e de alta qualidade (Fórmula Natural Life), contribuindo para a saúde e longevidade do pet. “Resolvemos fazer parcerias com grupos que cuidam exclusivamente desses tipos de pets e que visam a adoção deles, pois eles dão todo suporte sobre como lidar com um animal com deficiência”, explica André Sano, coordenador de marketing social da Adimax.

Inicialmente, o programa era destinado apenas para pets com esse tipo de perfil e que pertenciam a famílias de baixa renda. Mas a empresa enxergou uma oportunidade de colaborar ainda mais, por isso encontrou nos grupos especializados uma oportunidade de ajudar a encontrar uma nova vida a esses cães e gatos. “Queremos conhecer e poder ajudar tantos projetos que pudermos e que estiverem de acordo com o nosso propósito”, comenta Sano sobre não descartar a possibilidade de novas parcerias.

Conheça abaixo mais sobre os novos parceiros do Fórmula do Bem:

O Cãodeirante – São Paulo/SP

“O Cãodeirante” é um projeto referência no Brasil que auxilia animais cadeirantes, promovendo à adoção e feiras de pets com esse perfil.

O Fórmula do Bem se une a essa causa fornecendo alimentos para os cães que estão disponíveis para adoção e contribuindo assim com a saúde e bem-estar do animal.

Site: www.ocaodeirante.com

Instagram: @ocaodeirante

Cão de Rodinhas – Curitiba/PR

O projeto Cão de Rodinhas também tem o propósito de levar informação e conscientização sobre o dia a dia de animais com deficiência. Por meio de cartilhas informativas, eventos e incentivo à adoção, contribui para a inclusão de animais com deficiência.

Além dos alimentos Fórmula Natural, a Adimax apoia a ‘Cartilha de Cuidados do Pet com Deficiência’, distribuída gratuitamente em todo Brasil e que tem como objetivo levar informações sobre o tema.

Site: www.caoderodinhas.com.br/

Instagram: @cao_de_rodinhas

Projeto Lunna – Goiânia/GO

Lunna é um projeto voltado para atender animais com deficiência que precisam de doação de cadeira de rodas, incentivando também a adoção de pets com esse perfil.

O Fórmula do Bem vem para reforçar ainda mais essa iniciativa, doando alimentos para os animais que estão para adoção, além de contribuir na arrecadação de fundos para a compra de cadeiras de rodas aos cães que estão na fila de espera dessa ferramenta de mobilidade.

Instagram: @projetolunna

Reforço Positivo — Saiba Como Usá-lo No Adestramento De Cachorros
Reforço Positivo — Saiba Como Usá-lo No Adestramento De Cachorros

Muitos tutores de cães buscam as melhores alternativas para adestrar os pets de maneira eficiente e saudável. Afinal, ter um cãozinho comportado é importante, mas para alcançar esse resultado é preciso entender qual é a melhor forma de ensiná-lo os bons comportamentos. Uma delas é o reforço positivo.

Ficou curioso sobre o assunto e quer descobrir o que é essa técnica de adestramento, como ela funciona e como aplicá-la na rotina de treinos do seu pet? Continue lendo este artigo!

O que é reforço positivo?

O reforço positivo funciona como uma recompensa a um bom comportamento do seu cachorro. Isso o ajudará a entender que uma determinada ação é certa e, provavelmente, irá repeti-la outras vezes.

Um exemplo prático — e que você com certeza já deve ter praticado mesmo sem saber que estava usando a técnica de reforço positivo — é oferecer um petisco ao cãozinho após ele atender a um comando, como dar a pata, por exemplo.

Ao reforçar de maneira positiva a ação do cachorro, ele associa o comportamento com a recompensa, compreendendo que fez algo bom e, consequentemente, repetirá isso nas próximas vezes.

Como usar o reforço positivo no adestramento?

Para que o uso dessa técnica durante o adestramento do seu pet dê os resultados desejados, é preciso garantir que ele seja feito da maneira correta. Por isso, o primeiro fator que você deve entender em relação a esse tipo de treinamento é que ele irá exigir tempo, dedicação e paciência.

Isso porque ele é feito por meio de repetições. Ou seja, não adianta você achar que, ao oferecer apenas uma vez um petisco ao cachorro após ele ter feito xixi no lugar certo, já fará com que ele entenda que é isso que deve ser feito nas próximas vezes.

Além disso, lembre-se que cada cãozinho tem sua própria personalidade e tempo de aprendizado, ou seja, enquanto alguns aprenderão rapidamente, outros precisarão de um pouquinho mais de treino.

Um segundo ponto de atenção durante o uso da técnica é garantir que ela seja feita logo em seguida da ação correta do pet. Ao deixar passar muito tempo entre o bom comportamento e a recompensa, o cãozinho não relacionará uma coisa com a outra e o adestramento não terá efeito.

Com essas dicas principais, paciência, dedicação e muito carinho, o seu pet aprenderá a ter as atitudes desejadas, já que terá entendido por meio dos prêmios recebidos no treinamento que determinadas ações são certas.

Quais são os tipos de reforço positivo?

Apesar dos petiscos serem as recompensas mais usadas durante os adestramentos, elas não são as únicas. Existem muitas outras formas de mostrar ao seu pet que ele teve um bom comportamento e recompensá-lo por isso. Confira mais detalhes sobre as principais:

1. Petiscos

Os petiscos são bastante utilizados em adestramentos, mas é essencial lembrar que eles devem ser alimentos exclusivos para pets. Nada de dar pedaços pequenos de pão, biscoitos recheados ou qualquer outro tipo de comida que não seja de cachorro.

Existem diversos tipos de biscoitos próprios para os cães que vão garantir que a saúde deles não seja prejudicada. Além disso, você pode selecionar o produto de acordo com o porte, idade e sabor favorito do seu pet:

2. Carinho e elogios

Quem tem pets, em algum momento, provavelmente já conversou com eles com aquela famosa “voz de criança”, não é mesmo? Afinal, quem é que resiste à fofura desses bichinhos?

Pois saiba que esse tipo de atitude também pode ser usado como reforço positivo. Tenho certeza que quando você conversa com seu cãozinho dessa forma carinhosa, ele foca a atenção ao que você está dizendo e, muitas vezes, até abana o rabinho e faz aquela festa gostosa de ver, certo?

Isso porque carinhos e elogios são formas de demonstrar que o cãozinho está tendo bom comportamento e eles, com certeza, amam receber esse tipo de recompensa. Portanto, aproveite para utilizá-las durante o adestramento, sempre após uma boa ação do pet.

 3. Passeios

Cães amam os momentos de passeios ao ar livre. Além de ser um hábito física e mentalmente saudável para os pets, esse tipo de atividade também pode ser usada como técnica de recompensa.

Ou seja, se o cãozinho fizer xixi no lugar certo e você estiver com tempo livre no momento dessa ação, aproveite para levá-lo para uma voltinha pelo bairro ou em um parque próximo. Isso fará com que o animal relacione a ação que acabou de fazer com a recompensa de algo que ele gosta.

Gostou do artigo? Então, agora que você já sabe como usar o reforço positivo no adestramento, é importante garantir que a alimentação do seu pet também esteja correta para que ele tenha uma vida ainda mais saudável.

Confira os 3 tipos de ração para cachorro que você precisa conhecer e proporcione mais qualidade de vida para seu cãozinho.

Adimax é pioneira no setor pet food em adotar embalagem com antiviral
Adimax é pioneira no setor pet food em adotar embalagem com antiviral

A novidade reforça os hábitos adquiridos pelos consumidores durante a pandemia, buscando preservar a saúde e a segurança


Há dois anos, os cuidados com a higiene revelaram um perfil de consumidor extremamente atento a atitudes do cotidiano que poderiam comprometer sua saúde e de sua família. Desde março de 2020, quando a Covid-19 se espalhou rapidamente pelo mundo, as pessoas passaram a prestar mais atenção em situações relacionadas à segurança sanitária e mudaram algumas práticas, visando minimizar os riscos de contaminação. Entre os hábitos adotados, a limpeza dos produtos que chegavam em casa passou a fazer parte da rotina, já que uma das formas de propagação deste e de outros vírus é através do toque com as mãos.

Mesmo que o uso de álcool 70% e detergentes seja considerado eficaz para esta finalidade, o processo de higienização consome tempo e não assegura que todas as superfícies das embalagens sejam completamente limpas, não anulando o risco de levar vírus, bactérias, germes e outros micro-organismos para dentro de casa. Para garantir que os produtos cheguem com segurança nos lares, a solução encontrada pela indústria são embalagens que oferecem proteção contra agentes causadores de doenças, agregando proteção e praticidade aos produtos.

“Durante todo seu ciclo, as embalagens passam pelas mãos de dezenas de pessoas, o que aumenta potencialmente o risco de disseminação de doenças infectocontagiosas. Imagine quantas pessoas as manipulam desde sua origem, quando saem das fábricas, passando pelos consumidores e chegando ao destino final após o descarte, quando são recicladas ou depositadas em um aterro sanitário?”, lembra Leonardo Dalmagro, gerente de desenvolvimento de embalagens da Adimax, uma das maiores fabricantes de alimentos para cães e gatos do Brasil.

A empresa é pioneira no setor de pet food do país em adotar embalagens com aditivo antiviral em sua composição, capaz de reduzir o número de partículas virais infecciosas que têm contato com a superfície. Um importante valor agregado, uma vez que os produtos destinados aos animais de companhia estão cada vez mais presentes dentro dos lares. “Nosso novo projeto é resultado da busca constante da Adimax por alternativas para aprimorar seu produto final, alinhado ao seu propósito de cuidar das pessoas, assegurando o bem-estar e a saúde dos consumidores”, justifica Dalmagro.

A nova embalagem com aditivo antiviral da Adimax é produzida pela CANGURU, INCOPLAST e PLASTRELA. O produto com aditivo libera íons que atacam o vírus, provocando a ruptura e decompondo a membrana que o reveste, onde ficam todas as informações genéticas que permitem que ele entre nas células humanas. Desfeita essa membrana, o vírus deixa de existir, eliminando o risco de infecção. “Além de antiviral, a película confere ação antibacteriana e antifúngica na superfície da embalagem, favorecendo a proteção e saúde de quem a manuseia em todo o ciclo: indústria – consumidor – reciclagem. O momento pede transformação e estamos preparados para um futuro ainda mais seguro”, destaca Daiane Mazon, engenheira de produto da INCOPLAST, marca do Grupo Copobras e líder do mercado de embalagens pet food.

Além de reduzir a propagação da Covid-19, o aditivo tem eficácia de 99,68% contra bactérias, fungos, mofo, algas e bolor, comprovada por análise laboratorial da UNICAMP. As embalagens são aprovadas pela Anvisa para contato com os alimentos, pois o antiviral é aplicado e tem ação apenas na camada externa, não comprometendo a qualidade do seu conteúdo.

As embalagens com antiviral da Adimax serão introduzidas no mercado nos alimentos da linha Origens Light para cães de médio e grande porte e, gradativamente, disponibilizadas para outros produtos. Além do aditivo, as embalagens são inclusivas, pois possuem inscrição em braile, promovendo acessibilidade às pessoas com deficiência visual, um dos propósitos da empresa.

Instituto Magnus atinge marca de 50 cães-guias doados 
Instituto Magnus atinge marca de 50 cães-guias doados 

Objetivo é que até o fim do ano, mais 15 cães sejam entregues para pessoas com deficiência visual


Na próxima quarta-feira (27) é comemorado o Dia Internacional do Cão-Guia. Data que para o Instituto Magnus, maior centro de treinamento de cães-guias da América Latina, tem muitos motivos para comemoração. Um deles é o número de doações feitas: desde o início dos trabalhos, até agora, já foram 50 cães entregues, sendo 47 para pessoas com deficiência visual e 3 para pessoas com deficiência física. 

O gerente geral do instituto, localizado em Salto de Pirapora, interior de São Paulo, Thiago Pereira, reforça que a meta em 2022 é chegar a 65 cães-guias doados. “Este número representa um marco para o instituto e para a América Latina. Sabemos que com o trabalho de treinamento realizado desde 2018, promovemos a mudança e melhoria na qualidade de vida de cinquenta pessoas com deficiência. Por isso, pretendemos aumentar as doações e entregar, até o fim deste ano, mais quinze cães de assistência”.

Camila foi uma das beneficiadas. Ela perdeu a visão por conta de um câncer nos olhos aos dois anos de idade. Precisou se adaptar a nova realidade desde criança, o que foi possível com a ajuda e apoio da família. Hoje, aos 28 anos, leva uma vida independente e um dos motivos se chama Helen. A cadela, doada pelo instituto no ano passado, trouxe mudanças na rotina da auxiliar jurídica. “É uma parceria que é feita com amor mesmo, muita confiança, que é construída toda vez que ela me desvia de um obstáculo, que para porque tem um degrau ou que ela encontra uma saída ou entrada que eu procuro. Só quem tem um cão-guia consegue entender. Porque a gente chega em lugares que a bengala não faz com que a gente chegue sozinho”, ressaltou. 

Já a atendente Jade, precisou mudar sua vida para conquistar o Wally. “Criei uma rotina bem diferente da que eu tinha para conquistar o cão-guia. Passei a trabalhar, estudar. O Wally trouxe para mim mobilidade, independência, segurança. Além disso é minha companhia, minha terapia. Não vivo mais sem ele”, completou.